Projeto Essência Nua

GISA - Ensaio 64

Quando recebi o convite para posar para o Essência Nua fui tomada por um misto de pensamentos e sentimentos.

Na época, eu atuava no atendimento a mulheres em situação de violência e indicava o site para que elas presenciassem a diversidade da beleza feminina e valorizassem a própria imagem.

Eu admirava cada uma daquelas modelos que se despiram não só de roupas, mas da opressão patriarcal que padroniza e rotula nossos corpos.

Me senti lisonjeada com a possibilidade de estar dentre elas, e também deixar registrado meu empoderamento feminino. Porém, não contava com o fato de que seria algo desafiador.

Eu frequentava ambientes naturistas e estava acostumada com a nudez social, mas ser fotografada e saber que estaria exposta aos olhares de inúmeras pessoas, não foi tão simples quanto imaginava, principalmente por não estar muito satisfeita com minha estética corporal.

Naquele momento tive que superar as inseguranças e colocar em prática o discurso de auto estima que eu usava para as mulheres que atendia.

Agradeço à equipe do Essência Nua pelo acolhimento dessas fragilidades e pelo cuidado em publicar as fotos que melhor revelaram a essência da minha beleza.


Todas as Fotos  e Publicações do Projeto Essência Nua, são obras intelectuais protegida  pelo Direito Autoral e Processual Civil pelo Artigo 7 - Inciso VII da  Lei nº 9.610/1998